Laudo técnico aponta que pilares de prédio terão que ser recuperados em Lavras, MG

Conforme a síndica, profissionais capacitados serão contratados para a recuperação.

O laudo técnico sobre o prédio que foi interditado na semana passada no bairro Jardim Fabiana, em Lavras (MG), foi divulgado nesta quinta-feira (7).

Segundo a síndica do prédio, Daniela Lasmar, o laudo aponta que os pilares que sustentam o edifício vão ter que ser recuperados, mas ainda apresentam boa resistência.

Ainda conforme a síndica, profissionais capacitados serão contratados para a recuperação.

A síndica informou que o laudo apontou ainda que não há necessidade de desocupação do prédio para o serviço.

Mesmo após a liberação da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros para voltar para casa, poucos moradores quiseram voltar ao prédio.

Apesar do engenheiro responsável pela obra dar garantias do imóvel, muitos estão com medo.

Alguns até já mudaram de casa.

Uma semana após a evacuação, apenas três dos 24 apartamentos do prédio estão ocupados. Prédio foi interditado pela Defesa Civil e Corpo de Bombeiros em Lavras (MG) Ernane Fiuza/EPTV Interdição O edifício que fica no bairro Jardim Fabiana foi interditado e evacuado pelos bombeiros e Defesa Civil na última quinta-feira (31).

A suspeita era de que rachaduras nas pilastras do térreo pudessem apresentar risco à estrutura. No entanto, menos de 24 horas depois, uma vistoria feita pelo engenheiro responsável pelo projeto do prédio deu garantias de que os moradores poderiam voltar. Quando houve a liberação, o engenheiro afirmou que era preciso fazer reformas e manutenção para não danificar a estrutura.

Já são cinco dias e até agora não há sinais de obras no edifício. Veja mais notícias da região no G1 Sul de Minas
Categoria:MG - Sul de Minas